segunda-feira, 16 de agosto de 2010

 
 
 
A desordem me deprime. Ah, se e pudesse me arrumar por dentro, tudo calminho nas gavetas...
(Lygia Fagundes Telles, in As meninas)