domingo, 14 de novembro de 2010

 
 
'Teu olho bate em mim e logo se desvia,
como se em minhas pupilas houvesse uma faca, uma pedra, um gume. '

Caio Fernando de Abreu