sexta-feira, 8 de julho de 2011


Independentemente do que acontecesse em nossas vidas, eu me imaginava ao fim do dia deitado na cama ao lado dele, nós dois abraçados enquanto conversávamos e ríamos, perdidos nos braços um do outro.