quinta-feira, 20 de março de 2014




“Mesmo assim, bem no fundo, há coisas que são só minhas. E embora me assustem às vezes, é delas que mais gosto.”

 Caio Fernando Abreu, Limite Branco