quinta-feira, 25 de junho de 2015




“Queria que você gostasse de mim por mim. Caótico, distraído, perigosamente despreocupado. Meio despenteado, tão preocupado com coisas vagas. Queria que você também se encantasse com minhas imperfeições.”

Caio Fernando Abreu.