sábado, 31 de outubro de 2015





“Aí você deita
pensa
repensa
e não dorme mais.
Acabou a paz.”

Clara Brandão.