sábado, 21 de agosto de 2010


 
 
 
"Depois, um amigo me chamou para ajudá-lo a cuidar da dor dele.
Guardei a minha no bolso. E fui."

 Caio Fernando Abreu