domingo, 31 de julho de 2011


Tem coisas que a gente ama mais que as outras coisas...
...Você é uma delas!. 

Te amo mour sz'

 

Crueldade é fazer dessas vindas uma sincronia repetitiva, bem na hora - exatamente na hora que eu decido que você não deve ficar, que você não pode de forma alguma ficar, então você decide novamente oscilar pra mostrar que é mentira, que eu estou errada. Mas eu não estou, só estou em desvantagem. A gente ajeita isso aí boy, ajeitamos sim.


 
E eu jamais te diria isso. [...] não me esquece, por favor. Eu nunca vou esquecer você.
 
 

"Hoje eu queria um abraço daqueles que te sufoca de tão apertado e te protege de tudo. Hoje eu só queria ouvir “eu te procurei pra saber se você tá bem”


com uma pessoa


..Pra falar verdade, às vezes minto
Tentando ser metade do inteiro que eu sinto
Pra dizer as vezes que às vezes não digo
Sou capaz de fazer da minha briga meu abrigo
Tanto faz não satisfaz o que preciso
Além do mais, quem busca nunca é indeciso
Eu busquei quem sou;
Você, pra mim, mostrou
Que eu não sou sozinha nesse mundo..



" Será que as pessoas mudam de comportamento porque se sentem seguras do afeto que o outro sente ? "

- Aham certeza! 

 

" Eu ia sentir uma baita falta dele. Mas eu disse que não, eu disse depressa que não. "




(...) Mas sei lá, não sei se toda essa coisa patética é mesmo necessária. Tô resolvendo umas coisas aqui viu, esses negócios de sentimentos demonstrados demais meio que estraga. Tô aqui aprendendo que nem todos dão valor ao que você pode oferecer, e acabar demonstrando afeto demais começa a encher o saco, e eu digo tudo isso da minha parte. Chega de ligações, preocupações, sentimentos demonstrados aos extremos. Vou ficar mais relax mesmo, não quer me ligar, não liga, mas também não ligarei. Não quer me ver, não me veja, mas também não sairei que nem doida atrás de você pra saber se a gente vai ser ver, que horas é o nosso encontro, não mais. É apenas um aviso que eu deixo bem simples: se quiser, me procura você!


quinta-feira, 28 de julho de 2011


A realidade que eu mais gosto está longe, bem longe.

Caio Fernando Abreu. 


 
Se eu gosto, gosto como você é, mesmo que você seja chato de vez em quando. Se eu quero, quero mesmo, mesmo que todos digam para não querer. Ainda acho, perdoe o romance barato, que existem amores que duram toda a vida. São raros, mas existem.

Clarisse Corrêa


segunda-feira, 25 de julho de 2011



..Enquanto eu te esqueço
Só eu tento ser eu mesma
Em tanto não ser
Enquanto eu me lembro, eu lamento
O que eu não pude ser pra você..




-O que você encontrou nela?
- O que faltava em mim.








'Quando sair daqui, vou levá-la comigo a toda parte, não terei vergonha de você. Não vou criticar seus vestidos, seus modos, seu linguajar, nem mesmo seus assobios. Com o tempo aprendi que o ciúme é um sentimento para proclamar de peito aberto, no instante mesmo de sua origem. Porque ao nascer, ele é realmente um sentimento cortês, deve ser logo oferecido à mulher como uma rosa. Senão, no instante seguinte ele se fecha em repolho, e dentro dele todo o mal fermenta. O ciúme é então a espécie mais introvertida das invejas, e mordendo-se todo, põe nos outros a culpa da sua feiúra.'

Chico Buarque, in “Leite derramado”



"Também porque aconteceu outra coisa que, como Deus, eu pensava que não existia. Imagino que isso que chamamos de amor. Algo assim. Porque tudo que vivi e senti antes me parece agora bobagem, brincadeira."

Caio Fernando Abreu


 
' Eu quero te contar, das chuvas que apanhei
Das noites que varei, no escuro a te buscar
Eu quero te mostrar, as marcas que ganhei
(...)Nas discussões com Deus...'♫♪♫

  Sem Fantasia - Chico Buarque
 
 

Eu sempre insisto naquilo que acredito, sempre.

 

"Você não vai me ver mentir. Desista. Mentiria sobre a cor do meu cabelo. Sobre minha altura. Até sobre meus planos para o futuro. Mas não vou mentir sobre o que eu sinto. Nem sob tortura. Posso mentir sobre minha noite anterior. Sobre minha viagem inesquecível. Mas não agüentaria mentir sobre você por um segundo. Não na sua cara(...) Mas não me faça mentir e dizer que não te quero. Que eu não estou na sua. Não me obrigue a jogar. Não me obrigue a dizer “não” quando eu quiser dizer “sim”. Não me faça tirar você da minha vida porque meu coração ainda acelera quando você me liga."



“Cansei de caçar seus verbos soltos, escudos de quem acha que tem o gênio indomável sabendo que não passa de um daqueles que enguiçam a raça humana. Se quiser vir, que seja sem esse egoísmo tão “século-vinte-um” de trilhar caminhos pela metade, escapar pelos canteiros e me deixar falando pelos cantos. Se for pra calar minha boca, vem. Se for pra reescrever minha vida, vem. Mas que seja à caneta.”


 
"Podia esperar de qualquer um essa fuga, esse fechamento. Mas não de você, se sempre foram de ternura nossos encontros e mesmo nossos desencontros não pesavam, e se lúcidos nos reconhecíamos precários, carentes, incompletos. Meras tentativas, nós. Mas doces. Por que então assim tão de repente e duro, por quê?"

Caio F. Abreu
 
 

domingo, 24 de julho de 2011


[...] Até hoje eu não sei se o nosso grande problema é o seu apego idiota a sua liberdade, ou a minha bipolaridade maldita que na nossa história, de alguma forma, é abafada por essa sua escolha de ter a mim e ao mundo, sem abrir mão de nenhum dos dois. Também não sei se o que me prende tanto a você é justamente essa impossibilidade de sermos, finalmente, nós. Mas alguma coisa me prende, e me prende demais.



" [...] peço pra Deus cuidar da gente."


sábado, 23 de julho de 2011


Se me dessem um último pedido, eu escolheria você. Se a vida acabasse hoje ou daqui mil anos, eu escolheria você.
Caio F. Abreu


Não é fácil, muitas vezes eu me sinto sufocar de saudade, de vontade de estar perto.



terça-feira, 19 de julho de 2011


Um dia você vai encontrar alguém que te lembre todos os dias que a vida é feita para ser vivida. Alguém que é perfeito de tão imperfeito. Alguém que não desista de você por mais que você tente afastá-lo. Naquele dia que você não estiver procurando por ninguém, naquele dia que você não ia sair de casa e acabou colocando a primeira roupa que viu pela frente. Quando você não estiver procurando, você vai achar aquela pessoa que faz você sentir que poderia parar de procurar.



Mais de meio julho e um agosto inteiro a atravessar. Conseguiremos resistir?

segunda-feira, 18 de julho de 2011

domingo, 17 de julho de 2011


"Como tenho raiva do Antoine de Saint Exupéry – “tornamo-nos eternamente responsáveis por aqueles que cativamos…” Mas isso não é terrível? Ser reponsável por tanta gente?(...) Então, abandonar o amor? Não. Mas é preciso escolher. Porque o tempo foge. Não há tempo para tudo. Não poderei escutar todas as músicas que desejo, não poderei ler todos os livros que desejo, não poderei abraçar todas as pessoas que desejo. É necessário aprender a arte de “abrir mão” – a fim de nos dedicarmos àquilo que é essencial.(...)"

(Rubem Alves, in Livro Sem Fim)



Acho que não precisava ser assim. É tudo tão forte, tão profundo, 
tão bonito, não precisava doer como dói.


sexta-feira, 15 de julho de 2011


Porque chega uma hora em que você tem que escolher a vida. Eu talvez não saiba bem ainda o que isso significa, mas é claro para mim que a hora dessa escolha é agora, está acontecendo.

Caio F. Abreu

terça-feira, 12 de julho de 2011


voce tem cheiro de roupa limpinha com mente suja, e eu quero te rasgar inteiro. mas apenas te dou um beijinho no rosto. preciso me comportar.





 “Não dou espaço para você sentir saudades de mim porque eu não suporto a saudade que tenho de mim ocupando espaço em você.”



 Então apagaram a luz e eu quis me esconder dentro do seu paletozinho de publicitário descolado e ouvir suas batidas descompassadas e embaladas pelo seu cheiro de alma boa.


"SE VOCÊ QUASE SEMPRE SE APAIXONA POR PESSOAS QUE TE PROVOCAM, QUE ESPERAM QUE VOCÊ SEJA MESMO MELHOR DO QUE É, QUE TE BELISCAM O EGO, QUE TE TORCEM AS CERTEZAS, QUE LANÇAM FOGO NO LAGO CALMO E AZUL DA SUA MENTE. SE VOCÊ TRANSA MELHOR COM AQUELA PESSOA QUE TE IRRITA. SE VOCÊ CONVERSA MELHOR COM AQUELA PESSOA QUE PODE DISCORDAR, SE VOCÊ VÊ MAIS BELEZA NAS FAÍSCAS, NAS FAGULHAS. SE VOCÊ TEM VOCÊ COMO GRANDE PRIORIDADE, AINDA QUE ESTAR APAIXONADO SEJA SUA GRANDE PRIORIDADE. SE VOCÊ ATÉ TENTA RESOLVER O PROBLEMA MAS, POR CAUSA DOS SEUS PROBLEMAS, ACABA COMPLICANDO UM POUCO AS COISAS. SE VOCÊ RI BASTANTE MAS TAMBÉM É UM POUCO DEPRÊ. E GOSTA DE GENTE ENGRAÇADA QUE TAMBÉM É UM POUCO DEPRÊ. PORQUE A GRAÇA REAL VEM DA TRAGÉDIA QUE É ESTAR VIVO. SE VOCÊ TEM INVEJA DE QUEM AMA, APENAS PORQUE AMA TANTO QUE ÀS VEZES GOSTARIA DE VIVER DENTRO DA PESSOA. OU SÓ PORQUE A INVEJA E O AMOR SÃO COISAS QUE NOS ACOMETEM E NÃO TEM MUITO O QUE FAZER. SE VOCÊ TENTA CAMINHAR NA CORDA BAMBA, MAS VIVE ESFOLADO, MACHUCADO E TONTO, DE TANTO CAIR. SE VOCÊ ÀS VEZES MANIPULA E INTIMIDA E NÃO DEIXA SEGURA A PESSOA AMADA, PORQUE VOCÊ É ESTRAGADO DE CABEÇA E DE CORAÇÃO. MAS TAMBÉM ABRAÇA, PEDE DESCULPAS E VOMITA TANTA SINCERIDADE QUE CONSEGUE TER CHARME E PUREZA NAS MALDADES. ENFIM, SE VOCÊ É ERRADO E NÃO SERVE PRA ALMA GÊMEA DE NINGUÉM, TALVEZ EU SEJA SUA ALMA GÊMEA."



Porque eu sou briguenta, mas sou mais sensível que maria-mole na frigideira. Eu queria ir para um planeta onde não existisse tempo de beijar e tempo de pirar. E eu pudesse ir agora no seu mundo e te beijar até enjoar de você



Eu desejei não ser mais eu pra ser qualquer coisa que pudesse ser sua.


 
Me enfiei em casa e não saí. Um desgosto.
Leio o tempo todo. Sento no jardim.
Ouço música. 
Tento escrever, mas não sei se quero ou se preciso, e não consigo.
Umas carências.

Caio F.



Maria é gostosa, é burra, é piriguete, mas tem um coração de ouro, uma ingenuidade cativante, uma malícia que intriga e é dona do sorriso que iluminou um país inteiro. Maria erra e acerta, se arrepende, corre atrás, chora, se humilha. Quem nunca “mariôu” ?



'O mar. Amar.
Dizem que ambos são infinitos. Dizem.' 
 
[Ana Suy]



Não seria legal se nós fossemos mais velhos? Então nós não teríamos que esperar tanto. E não seria legal se vivêssemos juntos em algum tipo de mundo em que nós pertencemos? Você sabe que vai ser muito melhor quando pudermos dizer “boa noite” e ficar juntos. Não seria legal se pudéssemos acordar juntos na manhã de um dia novinho em folha e depois de termos passado o dia juntos ficassemos abraçados a noite inteira? Tempos felizes temos passado juntos, eu queria que todo beijo fosse interminável. Não seria legal? Talvez se pensarmos, desejarmos, esperarmos e rezarmos Isso se torne realidade. Então baby não teria nada que não conseguiríamos fazer, poderíamos casar e então seríamos felizes. Não seria legal? Você sabe que quanto mais conversamos pior fica viver sem você, mas vamos conversar. Não seria legal?


segunda-feira, 11 de julho de 2011


“Foi tão bonito você me emprestar a vida assim Ver que eu não tinha saída e seguir por onde eu vim.”
 
 

Sabe, eu tenho a sensação
que antes de você,
nada aconteceu
de tão bom pra mim.

Marla de Queiroz




Hoje eu parei de tentar salvar o mundo, aceitei a preguiça.
Hoje me submeti ao crime interno, me rendi. Entendi que tudo está fodido mesmo, já que nem quem deveria tentar mudar as coisas mudam.
O mundo já passou do ponto de ser salvo e hoje eu parei de tentar chamar as pessoas para verem o que está acontecendo, ninguém faz nada, ninguem toma jeito, hoje me prendi no meu egoismo, onde minhas idéias só a mim pertencem. Embalei meu pulso, minha ideologia e agora eu vivo internamente, apenas comigo mesmo. Eu, meu próprio sentido, fantasia, amor e medo.
Hoje eu me perdina imensidão que é esse mundo, entendi que não temos que entender nada, porque não tem nada pra ser entendido, que fazer merda faz parte e que ninguém tem culpa se o erro é de antes.
Hoje eu perdi-me pelo mar, pelo ar, pela terra, pelo fogo. Hoje eu voei alto, perdida? Não sei. Cai como se fosse fantasia, história, um grito.




"Se você soubesse como gosto de suas cheganças,
você chegaria correndo todo dia."

Chico Buarque
 
 

Sem deixar-se voar ou levar pela ventania das frases de efeito, e das atitudes floreadamente cortês, falsas intenções, segundas, terceiras..Peço muito um amor verdadeiro e duradouro, real. Depois, saúde para mim e para aqueles que amo, que zelo. Dos que não me querem bem, apenas o bem deles, e sua ausência, seu esquecimento e afastamento. Fé, para que mesmo com os desafios à vista, não pare de remar, navegar; desistir. Coragem para seguir em frente, um pouco nos bolsos sempre é bom - precaução. Alguns ideais, e umas metas para não tornar-se alienada, vencer a inércia com êxito. E nos lábios, um sorriso. Aproxima quem deseja um abraço, uma felicidade. E deixa longe quem inveja sente, quem o mal deseja.
Isso basta, e o ritmo a partir de amanhã muda. Resoluções postas à mesa, no papel com caneta azul esferográfica, torcer para que algum Santo ou Deus tenha lido ou escutado, visto. Com fé, muita fé e o mesmo sorriso tímido apenas de dentes superiores.







Eu sou mole demais por dentro pra deixar todo mundo ver. Eu deixo pra quem eu acho que pode comigo. Ninguém sabe. Mas eu tenho coração de moça

"Tem dias em que tudo se encaixa, como no momento das peças finais dos quebra-cabeças, e tem aqueles em que tudo se desencaixa numa aflição tonta de não haver sentido nem paz, amor, futuro ou coisa alguma."


domingo, 10 de julho de 2011


"Eu sei, é lindo. Mas logo em seguida, quando penso em quão longe você está sinto-me despedaçar por inteira. Sabe a sensação de arrancar um doce de uma criança? Pois é, sou essa criança. E dói."

 

sábado, 9 de julho de 2011


Então sigo assim, penso em você, sorrio, e rezo, peço pra Deus cuidar da gente.
 
 

O que tem me mantido vivo hoje é a ilusão ou a esperança dessa coisa, esse lugar confuso, o Amor um dia. E de repente te proíbem isso. Eu tenho me sentido muito mal vendo minha capacidade de amar sendo destroçada, proibida, impedida.

- Caio Fernando Abreu

sexta-feira, 8 de julho de 2011


Porque eu te juro, de todas as coisas do mundo, eu só queria olhar pra você.
Tati Bernardi



Independentemente do que acontecesse em nossas vidas, eu me imaginava ao fim do dia deitado na cama ao lado dele, nós dois abraçados enquanto conversávamos e ríamos, perdidos nos braços um do outro.


quinta-feira, 7 de julho de 2011


De repente, você começa a ponderar se não será assim mesmo o jeito das coisas, o jeito “certo” delas, por mais que pareça errado.

Caio Fernando Abreu


 
Foi por não ser vela que o vento não apagou. 
Era vagalume, tinha uma vida inteira pra brilhar! 

Caio Fernando Abreu