domingo, 7 de junho de 2015






“Mas não dá, nem de brincadeira, pra você ligar pro cara e dizer: “Ei, a vida é curta pra sofrer, volta, volta, volta.” Porque amor, meu amor, não se pede, é triste, eu sei bem.”

Tati Bernardi.